Associação de Municípios da Cova da Beira

GEOATLANTIC

O projeto geoATLANTIC constituído por uma parceria de 11 sócios internacionais de  cinco países, França, Irlanda, Portugal, Espanha, Reino Unido foi candidatado à iniciativa INTERREG ATLANTIC. Prevê-se com o projeto promover e divulgar o aproveitamento da geotermia para aquecimento e arrefecimento de edifícios na região. O projeto prevê ainda a implementação de vários projetos-piloto sobretudo em edifícios municipais na região, utilizando sondas verticais e bombas térmicas para aquecimento dos edifícios eleitos. No verão, o processo é invertido e o excesso de calor é transferido para o subsolo.

O projeto visa ainda sensibilizar e informar o cidadão para a utilização da geotermia, intervindo nas várias áreas de relevo para o desenvolvimento e implementação da atividade na região e em Portugal nomeadamente a nível de informação, disseminação investigação e legislação deste tipo de energia renovável, apresentando as suas vantagens. 

As atividades do projeto GeoATLANTIC passam por difundir a informação e as melhores práticas operacionais envolvidas no uso das bombas de calor geotérmicas, promover o diálogo na comunidade geotérmica, colocar em contacto os vários atores do mercado.

Um dos objetivos da Estratégia de União Energia é enveredar cada vez mais pelas energias renováveis. A nova diretiva sobre política energética e sustentabilidade propõem como objetivo vinculativo para a União Europeia a utilização de pelo menos de 20% de energia consumida através de energia renovável até 2020.

Apenas uma pequena parte do potencial da energia geotérmica é explorada na Europa. Aumentar a sua utilização e fortalecer a indústria da energia geotérmica vai permitir uma redução substancial na redução de CO2. Em combinação com as tecnologias, as fontes renováveis ​​podem fornecer a energia para produção de calor e frio, podendo representar metade da necessidade de energia na Europa.

O desafio do geoATLANTIC é desenvolver metodologias e ferramentas para promover a cooperação nas comunidades locais para a transição energética e aproveitamento da energia geotérmica.

No consórcio do projeto estão representadas as seguintes instituições; ESPANHA - Concelho de Ourense, Energylab, ITER- Instituto tecnológico e de Energia Renováveis | PORTUGAL, Universidade do Porto, Associação de Municipios da Cova da Beira, Eda Renováveis |REUNO UNIDO Eden Project, ISLAY energy trust, ALInergy,| FRANÇA, ALEC  | IRLANDA, Cork Institute of Techonology |  EHPA,  European Heat Pump Association

Parceiros Associados - RNAE  - Rede Nacional e Agências e Energia | Direção Regional da Energia da Região Autónoma dos Açores | Câmara Municipal de Ribeira Grande (Açores) Câmara Municipal de Povoação (Açores)