Associação de Municípios da Cova da Beira

Notícias

  • 12-10-2018

    Inscrições abertas para a VIII edição da ECORAIA

    24 e 25 de Novembro em Salamanca

    A VIII edição da Feira Transfronteiriça ECORAIA, realiza-se nos dias 24 e 25 de novembro, no Recinto de Feiras em Salamanca em Espanha. Este evento desenvolve-se no âmbito do Projeto BIN-SAL EMPREENDE e está inserido nas atividades da Comunidade de Trabalho BIN-SAL AMCB – Diputación de Salamanca.

    A ECORAIA é um acontecimento que já fidelizou quer os Produtores, quer os seus Visitantes, que totalizam em média 30.000 pessoas, num espaço que acolhe em média mais de 100 expositores, Nacionais e Espanhóis.

    Este certame tem se revelado uma excelente porta de entrada para o mercado Ibérico, com resultados em negócios de vários produtores Portugueses com Importadores ou Comerciantes da vizinha Espanha, e vice-versa.

    A Associação de Municipios abre agora nova oportunidade para todos os agentes económicos do setor agro alimentas se possam inscrever e participar nesta que é a maior feira transfronteiriça agroalimentar da Península Ibérica.

    Faça a sua inscrição clicando no link em baixo, faça o download do formulário e reenvie para o email: amcb@amcb.pt 

    https://drive.google.com/file/d/1A0QPb6yHKKDLPuTdCklOrQWIGGaEWYB7/view?usp=sharing 

  • 08-10-2018

    ENERTECH SABUGAL 2018 - 3.ª edição da FEIRA DAS TECNOLOGIAS PARA A ENERGIA

    De 11 a 13 de Outubro 

    A região do Sabugal é um exemplo da importância que o aproveitamento das energias naturais representa no desenvolvimento da economia e qualidade de vida das populações; assim e aproveitando o sucesso da 1.ª e 2.ª edições, e o forte impacto que este tema das energias naturais teve e tem nesta região, o Município do Sabugal dá continuidade a este evento realizando já este ano ENERTECH SABUGAL 2018 – 3.ª edição da FEIRA DAS TECNOLOGIAS PARA A ENERGIA.

    A 3º edição da ENERTECH decorrerá no Sabugal, nos dias 11, 12 e 13 outubro de 2018, sob o lema "FLORESTA, ÁGUA E ENERGIA" e é um evento da responsabilidade do Município do Sabugal, no âmbito da unidade de missão “Sabugal +VALOR - Desenvolvimento Rural” em parceria com a ADES (Associação Empresarial do Sabugal), ENERAREA (Agência Regional de Energia e Ambiente do Interior), IPG (Instituto Politécnico da Guarda), IPCB (Instituo Politécnico de Castelo Branco) e UBI (Universidade da Beira Interior).

    Nesta terceira edição a ENERTECH 2018 terá uma área de exposição superior a 2000 metros quadrados que representa mais de uma centena de expositores, e contará ainda com a organização de conferências temáticas sobre a biomassa, eficiência energética e aproveitamento energético dos recursos hídricos, bem como terá um  espaço para demonstrações de equipamentos, um espaço para  Workshops de sensibilização ambiental um espaço de divulgação cientifica e a  promoção de encontros bilaterias ( B2B e B2C).

    A ENERTECH 2018 é  uma  feira tecnológica para profissionais do sector das energias e ambiente explorando as oportunidades e as tendências de desenvolvimento do sector das energias renováveis, sendo a realização desta feira, da responsabilidade do Município do Sabugal.

  • 08-10-2018

    AMCB e Comunidade de Trabalho BIN - SAL reabrem 10 vagas destinadas a jovens empreendedores.

    A Associação de Municípios da Cova da Beira e a comunidade de Trabalho BIN SAL à semelhança do ano transato e no âmbito do ‘’Programa de Apoio ao Empreendedorismo’’ iniciam um processo de seleção de 10 jovens empreendedores para o desenvolvimento de projetos de iniciativas empresariais no espaço BIN-SAL, e de caracter transfronteiriço. Estão abrangidos nesta área, a província de Salamanca e a Beira Interior de Portugal onde se integram os Municipios de Almeida, Belmonte, Celorico da Beira, Covilhã, Figueira de Castelo Rodrigo, Fornos de Algodres, Fundão, Gouveia, Manteigas, Mêda, Penamacor, Pinhel, Sabugal, Seia e Trancoso.

    O projeto prevê ainda que os jovens selecionados, recebam formação e acompanhamento especializado por parte dos associados do projeto, tais como, Fundación General de la Universidad de Salamanca e o Instituto Politécnico da Guarda. O Projeto tem a duração de 9 meses e todos os selecionados terão uma bolsa mensal de 800€, os candidatos poderão fazer a sua inscrição na sede da Associação de Municípios da Cova da Beira, em Belmonte.

    O processo de seleção terá em conta, o Curriculum Vitae, a memoria descritiva do projeto, a formação complementar, e uma entrevista pessoal.

  • 07-08-2018

    Listas Unitárias de Ordenação Final - Regularização de Vínculos Precários

    Consulte o ficheiro clicando no link em baixo, para vizualizar as Listas Unitárias de Ordenação Final - Regularização de Vínculos Precários.

    https://drive.google.com/file/d/15WMZ9hiSYDyFlog_qY42VmQKKO1enYDh1uT/12view?usp=sharing

  • 24-07-2018

    Formação em Poupança de Energia Elétrica em Entidades Públicas e IPSS

    DESTINATÁRIOS

    1. Entidades Públicas
    2. Instituições Particulares de Solidariedade Social - IPSS

    Inscrições Onlinehttps://comunicacao983.wixsite.com/fpee/inscricoes

    OBJETIVOS

    Capacitar todos os indivíduos utilizadores e gestores dos edifícios e infraestruturas para o correto uso dos equipamentos de iluminação.

    Esta formação pretende providenciar exemplos práticos e valores de poupança típicos, melhores práticas e outras metodologias pedagógicas para ajudar as entidades a perceber as potencialidades de uma gestão dos seus consumos e investimentos na troca dos atuais equipamentos, assim como tornar a aplicação de um sistema de gestão energética mais fácil e atrativa.

    FASES DE DESENVOLVIMENTO

    1. Criação de um website onde serão divulgados todas as informações relativas à presente medida e ao tema a ela associado: eficiência energética e redução dos consumos de energia elétrica. este website continuará disponível após a conclusão da medida, continuando a disponibilizar conteúdos de suporte.

    2. Os Municípios, IPSS e Associações serão também convidados a responder a um inquérito sobre eficiência energética e os seus consumos de energia elétrica, em particular de iluminação, o que permitirá adequar os temas das formações e do material de suporte a disponibilizar bem como o próprio auto diagnóstico por parte destas entidades.

    3. Realização de seminários nos quais os responsáveis pela gestão energética dos edifícios participantes serão alertados para os desperdícios de energia e serão assim convidados a implementar um conjunto de medidas de gestão, organizacionais, comportamentais e eventual substituição de equipamentos capazes de aumentar a eficiência energética das suas organizações. Ao atualizar dados relativos aos consumos de energia as entidades terão acesso imediato à evolução dos seus indicadores de desempenho energético e assim podem de certa forma monitorar a sua evolução na procura de soluções mais eficientes do ponto de vista energético.

    Serão identificados os edifícios e infra estruturas com maiores progressos nas suas performances energéticas, sendo que dois edifícios (Municipal e IPSS) que obtiverem melhores resultados terão oportunidades de lhes ser atribuídos um de três prémios.

    PRÉMIOS

    1.º Prémio - investimento até 7.500€;

    2.º Prémio - investimento até 5.000€;

    3.º Prémio - investimento até 2.500€.

  • 21-07-2018

    AMCB e Comunidade de Trabalho BIN - SAL reabrem 10 vagas destinadas a jovens empreendedores.

    A Associação de Municípios da Cova da Beira, e a comunidade de Trabalho BIN SAL após o sucesso da iniciativa no ano transato e no âmbito do ‘’Programa de Apoio ao Empreendedorismo’’ iniciam um processo de seleção de 10 jovens empreendedores para o desenvolvimento de projetos de iniciativas empresariais no espaço BIN-SAL, e de caracter transfronteiriço. Estão abrangidos nesta área, a província de Salamanca e a Beira Interior de Portugal onde se integram os Municipios de Almeida, Belmonte, Celorico da Beira, Covilhã, Figueira de Castelo Rodrigo, Fornos de Algodres, Fundão, Gouveia, Guarda, Manteigas, Mêda, Penamacor, Pinhel, Sabugal, Seia e Trancoso.

    O projeto prevê ainda que os jovens selecionados, recebam formação e acompanhamento especializado por parte dos associados do projeto, tais como, Fundación General de la Universidad de Salamanca e o Instituto Politécnico da Guarda. O Projeto tem a duração de 9 meses e todos os selecionados terão uma bolsa mensal de 800€, os candidatos poderão fazer a sua inscrição na sede da Associação de Municípios da Cova da Beira, em Belmonte.

    O processo de seleção terá em conta, o Curriculum Vitae, a memoria descritiva do projeto, a formação complementar, e uma entrevista pessoal

    ‘’Continuamos a potenciar e a promover a atividade dos jovens, o desenvolvimento e fortalecimento de iniciativas empresariais e neste caso Ibéricas, poderão ser reveladoras de empreendedores de sucesso ’’ (José Manuel Biscaia, Dr.)

  • 17-07-2018

    2º Seminário Bin-Sal Empreende "Uma Raia Empreendedora"

    Contabilidade e Fiscalidade nas empresas Espanholas - Sabugal

    Irá realizar-se no próximo dia 24 de Julho pelas 14h30 na sala de formação "Reis Chorão" no Sabugal.

    Com o tema Contabilidade e Fiscalidade nas empresas Espanholas.

    Participe.

  • 11-07-2018

    Cultura em Rede das Beiras e Serra da Estrela

    O projeto “Cultura em Rede das Beiras e Serra da Estrela” é desenvolvido em co promoção com a Associação de Municipios da Cova da Beira e os 15 municípios pertencentes à Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela (CIMBSE).

    Valorizar os artistas da região das Beiras e Serra da Estrela através da criação de um programa cultural em rede que promova a itinerância de espetáculos pelos 15 municípios, nas áreas da Música, Dança e Teatro, são alguns dos objetivos previstos.

    O projeto “Cultura em Rede das Beiras e Serra da Estrela” tem como objetivo geral a constituição, lançamento e consolidação de uma rede territorial e institucional, com abrangência ao nível sub-regional, vocacionada para a projeção e divulgação do território e da sua identidade, fortemente alicerçada na promoção da cultura e do turismo cultural. Numa primeira fase de implementação, a operação envolverá a implementação de um programa de animação de centros históricos e urbanos da sub-região Beiras e Serra da Estrela, num formato de Festival que contará com um conjunto de atividades programadas em rede.

    Deste modo, a operação prevê a realização de:

    • Períodos de residências artísticas com artistas regionais e as companhias contratadas.
    • 15 Espetáculos Comunitários itinerantes – Festivais da Zona Antiga das Beiras e Serra da Estrela (realizados em coprodução entre artistas regionais e companhias nacionais) – a decorrer entre junho e setembro de cada ano de execução do projeto.
    • Rota de visitas guiadas encenadas (para demonstração da cultura e história do território de forma contemplativa e interativa) – a decorrer nos períodos de espetáculos e fins-de-semana de julho e agosto.
  • 05-07-2018

    Uma Raia Empreendedora

    Direito de empresas laboral para a criação de empresas em Espanha

    O Primeiro de 12 Seminarios a realizar em Almeida 

    12 de Julho 

    14h30 - Biblioteca Municipal Maria Natercia Ruivo

  • 03-07-2018

    AMCB já tem equipas no terreno a realizar Cadastro de infraestruturas de água de Abastecimento e Saneamento de Águas Residuais

    O Consorcio de empresas contratadas, juntamente com a AMCB estão a percorrer todos os arruamentos com infraestruturas de Abastecimento de Água e de Saneamento de Águas Residuais em baixa.

    Trata-se de um projeto que orça os 3,1 milhões, financiado pelo Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (POSEUR) e que visa elaboração do cadastro das redes de abastecimento de água e de saneamento de águas residuais. O Projeto abrange os municípios de Almeida, Belmonte, Celorico da Beira, Figueira de Castelo Rodrigo, Fornos de Algodres, Gouveia, Guarda, Manteigas, Mêda, Oliveira do Hospital, Pinhel, Sabugal e Seia.

    Para além da realização de cadastro o projeto envolve ainda realização de um voo para a realização de cartografia, nomeadamente de ortofotomapas à escola 1:2000.

    Está previsto a realização de cadastro em mais de 4 500 km de condutas e infraestruturas, inclusive até aos contadores de água do município. A realização do cadastro permitirá uma gestão futura mais eficiente dos serviços, numa perspetiva de intervenções planeadas, designadamente associadas a perdas ou situações de deficiência em redes de abastecimento de água, ou associadas a colapsos e infiltrações e funcionamento deficiente em redes saneamento e águas residuais. A informação recolhida permitirá ainda aos municípios deterem um conhecimento efetivo dos equipamentos e património que  possuem no âmbito das redes de Águas de Abastecimento e Saneamento de Águas Residuais.   

     A AMCB no que são as suas preocupações de sustentabilidade ambiental promoverá ainda o desenvolvimento de uma ferramenta com base em Sistemas Informação Geográfica para que os municípios possam gerir futuramente toda a rede a seu cargo e desta forma conseguirem redução dos “desvios” e perdas bem como na poupança energética com as estações de bombagem.